quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Existe Amor?


Porque chega há um momento na vida em que a gente pergunta se o amor existe...

Um dia eu pensei que o que nos motivava à vida era o amor. Sempre acreditei que o motivo que nos leva a abandonar nossos pais – pessoas que convivemos quase uma vida inteira – e ir morar com alguém, que a gente nunca viu na vida, era o amor. Sempre fui uma menina que acreditou que a beleza está na simplicidade das coisas. Sempre fui aquela que dançava na igreja, não por causa de uma apresentação, mas sim porque eu sabia que há um Deus que olhava os meus pés dançando com a alma e o coração.
Sempre fui de escrever o que sinto. De ajudar quem precisa, de amar quem necessita e sem pedir absolutamente nada em troca. Mas aí fui crescendo e vendo quantas coisas ruins tem acontecido dentro das famílias. Quanta coisa ruim vem destruindo o relacionamento de um casal. Será que juras de amor são mentiras? Será que é tudo momento? Tudo por causa de um momento? E depois de alguns anos todo aquele amor jurado simplesmente se esvai? Como?! Não consigo entender as pessoas que possuem um coração tão fechado que não consigam dizer um ‘’eu te amo’’. Escrevi tantas cartas de amor, mas não foram somente cartas de amor, escrevi coisas de que meu coração estava cheio!
Não me importei de correr atrás de quem roubara meu coração. Corri tanto e sem olhar pro chão, que acabei caindo, fiquei com meus joelhos esfolados, minhas mãos sangrando, meus olhos chorando, mas eu queria tanto aquela pessoa que a dor pareceu ser um véu passando sob minha pele. Tudo isso porque achei que o amor existia. Fui tão burra a ponto de acreditar que alguém poderia ter a capacidade de amar do jeito e intensidade que eu amo. Sempre fui tão inocente, acho que mereci que as pessoas pisassem em cima de mim como elas pisaram, mas mesmo assim não larguei essa maldita inocência. A quem me dava um tapa na cara, eu oferecia o outro lado da minha face pra ser bofeteada.
Amar... Pra mim, amar é como ter um jardim. Nós precisamos cuidar pra deixar as flores florescerem, nós precisamos vigiar pra que pragas não venham devastar as rosas. Nós precisamos regar pra ter um jardim vivo! Isso é amar. Amar é uma ação, o amor é consequência dessa ação.
Mas, não sei mais se esse amor existe. Porque eu corri, caí e sangrei. Eu cuidei, vigiei e reguei. Fui fiel e meus olhos só pediam por uma pessoa. E tudo que tive foi uma rejeição. Vejo porque tantos casamentos acabam. Tantos namoros acabam. As pessoas não sabem amar. As pessoas não sabem cuidar. As pessoas não sabem abrir o coração somente pra dizer ‘’Te Amo’’.
E era só isso que eu precisava ouvir pra poder sair dessa cama.
Mas, sabe? Isso eu nunca vou ouvir. Porque quem eu amo não sabe me amar.
Não sabe dizer nem soletrar: t e a m o
Enquanto isso, fico aqui segurando o meu coração, que sangra de amor em minhas mãos.

10 comentários:

  1. Muito forte amiga a começar da imagem! *-*

    Não sei como atualiza...
    realmente não tá aparecendo suas atualizações aqui, como faço?

    ResponderExcluir
  2. ahaam sem problema *-*

    ResponderExcluir
  3. pronto consegui!!
    aah, mudou tudo por aqui né!
    Gostei, os gifs tbm ficaram ótimos!!! XD

    ResponderExcluir
  4. Adorei! Concordo com todas as suas palavras! ;**

    ResponderExcluir
  5. Oláá!
    parabééns pelo blog!! ^^

    voltei a postar, como tinha recadinho seu lá, vim avisar ;)

    beijo grande!!

    ResponderExcluir
  6. Gostei das palavras. Gostei de vc ter se expressado. Gostei de você ter declarado toda essa dor. Só não gostei do resumo disso tudo.
    Luz e trevas não podem interagir juntas.
    Quando alguem que ama pela luz ama um ser de falso amor pelas trevas, ou o amor da luz clareia as trevas de seu amado, ou ela perde a claridade e sofre. Não é que você não ouviu ou viu ou sentiu amor.Só que esquecemos que na vida existem a tampa da nossa panela e aqueles pratos que colocamos em cima só pra dizer que não tem proteção. Mas no fim o prato não é jus a panela e só acaba atrapalhando. Meu coração está sangrando. Tanto quanto o seu. Até mais. Mas é bom sangrar. Ajuda a sicatrizar e fazer mais forte pra ser mais difícil destruir numa outra oportunidade.

    "Toda dor tem amor no meio. E ela é previa pra felicidade, se você tiver fé. Pois foi por amor que Cristo morreu na Cruz e recussitou pela fé e deu de novo felicidade aqueles que sentiam sua falta."

    ResponderExcluir
  7. Olá Kaline, amei seu texto!
    Seu blog ta muito fofo!
    Te seguindo!
    Beijinho!

    ResponderExcluir
  8. Gostei sim Kali!!
    Vc tem mto bom gosto!!!!
    Tá lindoo *--*
    Os gifs tbm amei!
    beijoooo!!

    ResponderExcluir
  9. Descreve perfeitamente o que estou sentindo...
    Realmente para alguns, amor é somente mais uma palavra...
    Infelizmente, pra eles.
    Não pra nós!

    Beijãao

    ResponderExcluir