segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Correspondência


Tudo que eu quero é que o Senhor receba de alguma forma esta carta de amor que dedico a Ti.
Antes era tão simples, meu coração era cheio de amor e de palavras para expressar este sentimento a Ti.
Hoje me sinto tão longe, parece tão difícil tentar te encontrar mais uma vez. Parece que não vou conseguir. Porque toda vez que te procuro vem à dor da culpa de ter sido infiel dede que o Senhor sempre permaneceu fiel comigo.
Alguém disse uma vez que quando queremos te encontrar e te dizer algo, mesmo que não saibamos as palavras certas, mesmo que nada saia de nossa boca, às vezes o silencio diz tudo!
E fala mais do que poderíamos dizer. Às vezes, o sentir, basta!
Sei que o Senhor sempre permaneceu ao meu lado me ajudando a subir os degraus da minha vida.
Eu tenho um desejo que sei que o Senhor pode realizar. Peço-te isso desde o inicio do ano! O Senhor fala comigo sobre isso, mas às vezes meus pensamentos se confundem. E não sei o que realmente vai acontecer.
Mas lembro que entreguei tudo em tuas mãos. Sempre dediquei minha vida a Ti.
É bem mais fácil quando as coisas estão nas mãos daquele que sustenta o mundo!
Pai, eu te amo! Quero muito voltar aos teus braços. Mas do que qualquer coisa que me falte nesta Terra.
Pai, eu sinto sua falta. Entendo que nesses 18 anos de vida, só fui feliz no dia em que eu te encontrei. No momento em que não queria soltar a tua mão, nas estações do ano em que eu escutava sua voz em meu ouvido.
Nas noites em que só a brisa era testemunha de como os meus pés giravam e meus braços se elevavam em devoção a Ti.
Só quero Senhor, que de alguma forma essas palavras aqui expressas, chegue de algum modo, aos teus ouvidos. E que o Senhor fique ciente disto aqui escrito.
Sei que nunca fui nada. Sei que nunca vou conquistar nada sem Ti.
Mas só quero que o Senhor saiba que sem Ti em minha vida, não consigo viver, não consigo respirar. É preferível a morte a solidão de não te sentir comigo.
Sei que o Pai nunca se esquece dos seus filhos. Por mais alto que o céu esteja, por mais longe que o universo seja. Sei que minha voz pode subir até seu trono de amor e me ouvir. De alguma forma sobrenatural eu sei e posso acreditar que o Senhor ainda é meu Pai.
De alguma forma até mesmo assustadora e sem sentido eu sei que o Senhor não se esqueceu de mim.
E Pai, se estiver mesmo me ouvindo, só peço mais uma coisa, jamais deixe de me amar. Porque realmente não saberei viver sabendo que o amor da minha vida se esqueceu de mim.
Mesmo o céu nos separando, Eu te amo!

Para: Meu amado Jesus!
Para sempre
Kaline.

7 comentários:

  1. Finalmente alguém aqui está tirando as vendas dos olhos. E pode ter certeza, esta carta ja fora lida no instante que você começou a escrevê-la. Ele sabe de longe pedidos que sãorealmente sinceros.

    ResponderExcluir
  2. haha. pois é.
    pura verdade *-*
    gostaste mesmo? :D

    ResponderExcluir
  3. Linda carta. Perfeita.

    Tenho certeza que ele te aceitará em seus braços novamente.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá Kaline, gostei do seu blog e estou lhe seguindo!
    Aproveito minha vinda aqui para convidá-la a comer um pedaço do bolo em meu blog, que hoje completa dois aninhos de existência.

    Ficarei honrado com sua presença!

    Abçs,

    Edward de Souza

    ResponderExcluir
  5. Que linda essa mensagem amore, seu blog é lindo, estou seguindo tbm... Ótimo final de semana... bjs da Sissa

    ResponderExcluir